domingo, 22 de fevereiro de 2009

Hoje descanso aqui...

Magnífica! Hoje assisti a uma Eucaristia magnífica! Cada uma é especial sem dúvida, única e irrepetível… mas de vez em quando existem aquelas Eucaristias que por algum motivo nos marcam. Hoje aconteceu isso, não foi uma celebração de um dia especial do calendário ou qualquer coisa do género, foi normal… só que por acaso teve 3 grupos diferentes a animarem a Eucaristia. Já vinha de um dia de reflexão, se calhar também ajudou a melhor entrar na atmosfera de tal celebração, mas se calhar também não foi… não sei, só sei que foi maravilhoso. Não foi uma animação eucarística perfeita não foi por hoje que deixamos de ter as nossas diferenças… mas a celebração que pensei que fosse ser um pouco difícil de animar devido aos vários grupos acabou por ganhar uma sintonia fantástica. Pode ser impressão minha, se calhar é… se for com certeza lá me elucidarei, mas o que me importa agora é que hoje devido a toda esta atmosfera elevaram-me ao Céu! Igrejas como a Sé de Vila Real foram construídas com tal arquitectura que pretendem que nós nos elevemos a Ele, que a própria igreja chegue o mais próximo do Céu… pois hoje olhei para a Sé e não vi o seu tecto, não vim desunião entre nós e Ele. Talvez seja de por hábito, actualmente, não haver muitos jovens a participar da animação eucarística… eu adoro cada Eucaristia em que o posso fazer com cada grupo, adoro mesmo. Mas hoje não houve grupos, todos se misturarão e era como se fossemos todos um único grupo... e um grande grupo. Já não me lembrava o que era estar numa Eucaristia na minha paróquia, ou mesmo sem ser na minha paróquia, em que a minha frente era só jovens, olhava para os meus lados e via jovens, olhava para trás e jovens via! Não estou a dizer que estar numa Eucaristia sem muitos jovens que não é digna ou que não a vivo… mas é completamente diferente e penso que nem disso tinha noção. É como estar entre os teus, aqueles que te são semelhantes, que temos a certeza que partilham uma mesma fé e que naquele momento a vivem intensamente numa festa que não poderia ter sido melhor escolhida! É aquela vontade irreverente dos jovens de querer enfrentar este mundo, aquela garra de defender os seus ideais, aquela atitude que mexe com multidões e enfrenta os poderosos… é toda a força destes jovens ali harmoniosamente entregue a Ele como o mais leve sopro ou leve brisa num dia quente de verão. A energia de ser jovem completamente direccionada para aquele momento tão belo e terno que é a Eucaristia, vi sorrisos, vi choro, vi aquilo com que me quero identificar… vi juventude! Vi e em cada minuto que passava agradecia aquele momento… vi alegremente a luz do dia a desvanecer e a cair a noite pois queria que nada terminasse… que aquele momento não se perdesse. Todo o dia de hoje e em especial este momento carregou fortemente estas minhas pilhas e Ele não deixou de fazer questão de mudar o pólo negativo para positivo destas pilhas… fez com que ainda me sinta a flutuar e a pairar sobre este Céu que tantas alegrias me traz. Hoje… não quero descer… hoje vou dormir aqui… neste precioso momento… que Ele teve a bondade de me dar…

1 comentário:

sandrita disse...

Olá=)
Sim, foi uma eucaristia especial.


*